Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação

FIESC - SENAI

  • Spanish
  • French
  • Japanese
  • Russian
  • Arabic
  • Italian
  • Chinese (Simplified)
  • Português
  • Deutsch
  • English

FIESC, UFSC E CERTI ESTABELECEM COOPERAÇÃO EM INDÚSTRIA 4.0 E EDUCAÇÃO

Assinatura do protocolo ocorreu nesta sexta-feira (9), em Florianópolis, durante visita do ministro de Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab.

img 1376

 

img 1354

 

Florianópolis, 9.12.2016  A Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), o SENAI/SC, a UFSC e a Fundação Certi firmaram convênio para ampliar a agenda de cooperação nas áreas de educação, pesquisa e extensão, engenharia de sistemas, manufatura avançada e indústria 4.0. A assinatura do documento foi realizada nesta sexta-feira (9), em Florianópolis, durante visita do ministro de Ciência, Tecnologia e Inovação, Gilberto Kassab, ao Centro de Inovação da Associação Catarinense de Tecnologia (Acate).

 

O presidente da FIESC, Glauco José Côrte, relatou o trabalho da Rede de Institutos SENAI de Inovação e Tecnologia. “Reiteramos nosso propósito de trabalharmos junto com as empresas de tecnologia e inovação. Santa Catarina está trazendo as empresas para os Institutos. Elas terão espaços apropriados para manter seus técnicos e fazer suas pesquisas. A maior dificuldade é ter esse casamento entre a academia e as necessidades das indústrias”, afirmou. Côrte também chamou a atenção para os debates realizados ao longo do ano em todo o País sobre indústria 4.0 e manufatura avançada.

  

“Santa Catarine é um dos Estados que mais investem em ciência, tecnologia e inovação. Cada vez mais, jovens de todo o Brasil que sentem que tem vocação para inovação e empreendedorismo procuram as universidades catarinenses, aqui se formam, ficam e começam suas empresas dentro das incubadoras. Encontramos aqui a juventude se preparando para assumir o Brasil de amanhã”, afirmou o ministro, que conheceu um pouco do trabalho desenvolvido pelo setor de TI catarinense.

 

Por videoconferência, os fundadores da PackID, de Chapecó, Caroline Dallacorte e Thales Akimoto, contaram a história da premiada empresa, que desenvolveu uma etiqueta adesiva com nanosensor de temperatura que auxilia o mercado de alimentos resfriados e congelados a monitorar os produtos em tempo real. O sistema garante que o produto se mantenha nas faixas de temperatura exigidas pela Organização Mundial da Saúde. A PackID participou do Sinapse da Inovação, programa que incentiva ideias de startups.

 

Asssessoria de imprensa da FIESC