Economia do Mar

O setor Economia do Mar congrega os segmentos de Recursos Oceânicos, Indústria Naval, Alimentos do Mar, além de Portos e Transporte Marítimo. Os Recursos Oceânicos contemplam os produtos oriundos do mar, a preservação ambiental e os recursos minerais. No que se refere à Indústria Naval, esta abrange a construção náutica, construção naval e offshore, navipeças e reparo naval. Da mesma forma o segmento de Alimentos do Mar contempla a pesca, a aquicultura e o processamento do pescado, enquanto o último segmento se refere aos portos e aos transportes em ambiente marinho. A figura a seguir representa o setor:

Com o objetivo de sinalizar caminhos para a construção do futuro do Setor de Economia do Mar em Santa Catarina representantes da academia, indústria, governo e terceiro setor participaram de um Painel de Especialistas, realizado nos dias 15 e 16 de outubro de 2013 em Balneário Camboriú. Durante o Painel de Especialistas foram apresentados estudos preparatórios do setor: socioeconômico, tendências tecnológicas e de mercado, além do mapeamento dos investimentos. Esses estudos você pode acessar aqui.

 

Estudo Socioeconômico

 

 

Utilizando o método de roadmapping, os especialistas elencaram visões de futuro para o setor vislumbrando o horizonte de 2022. Para cada visão também propuseram fatores críticos de sucesso e ações de curto, médio e longo prazo que auxiliassem na concretização da visão.

 

Dinâmica do painel

 

Visões

 

1- Indústria Naval:

Indústria naval de referência no desenvolvimento tecnológico e no fornecimento de navipeças e embarcações

Anseio de ser reconhecido como referência no desenvolvimento e utilização de tecnologia embarcada, com sua indústria local competitiva em nível mundial.

 

2- Portos e Transporte Marítimo:

Modelo em efetividade, integração e sustentabilidade de portos e logística multimodal

Desejo de ser reconhecido como o polo portuário mais efetivo do país, com excelência no sistema logístico multimodal, por meio do desenvolvimento planejado com responsabilidade socioambiental.

 

3- Recursos Oceânicos:

Excelência em conhecimento, exploração e transformação sustentáveis de recursos oceânicos

Desejo de estar na vanguarda no que se refere ao desenvolvimento de pesquisas, se tornando referência na geração de conhecimento, exploração e transformação dos recursos oceânicos, dentro dos preceitos da sustentabilidade.

 

4- Alimentos do Mar:

Liderança nacional em produção sustentável de alimentos do mar com alto valor agregado

Anseio de possuir uma cadeia produtiva robusta e moderna, que prima pela utilização integral do pescado, produzindo alimentos de alto valor agregado. Com isso, o estado almeja ser reconhecido como modelo na produção sustentável do pescado, se consolidando como o principal produtor brasileiro, com destaque para a aquicultura.

 

Rota Estratégica Setorial

Após a realização de amplas pesquisas e debates com industriais e especialistas, chegamos na etapa de lançamento dos resultados da Rota Estratégica do setor de Economia do Mar. O caderno e o roadmap que você encontra a seguir apresentam fatores críticos de sucesso e as ações de curto, médio e longo prazo necessárias para o atingimento das visões.

 

Rota - Economia do Mar

Roadmap - Economia do Mar Lado A

Roadmap - Economia do Mar Lado B

 

Masterplan

O Masterplan, além de identificar as prioridades dentre as ações necessárias ao desenvolvimento dos setores industriais, pretende fazer convergir agendas e promover maior interação entre os envolvidos, favorecendo assim a proposição de projetos que permitam a superação dos pontos críticos que condicionaram o desenvolvimento e a competitividade da Indústria Catarinense.

Os especialistas do setor de Economia do Mar priorizaram os seguintes projetos:

 

Masterplan - Economia do Mar

 

 

 

 

 

Sistema FIESC | Portal FIESCnet
Rodovia Admar Gonzaga, 2765 | Itacorubi | 88034-001 | Florianópolis/SC 48 3231-4795